A eleição no Centro de Estudantes de Santos, 91 anos. Por Carlos Norberto Souza

Mais antiga entidade estudantil em atividade no Brasil escolheu Matheus Café, primeiro universitário de sua família, para presidente. Ele é estudante de Letras no Campus de Cubatão do IFSP


PRIMEIRO UNIVERSITÁRIO DA FAMÍLIA, MATHEUS CAFÉ É ELEITO PARA REPRESENTAR ESTUDANTES DA BAIXADA SANTISTA
Por Carlos Norberto Souza* | De Santos (SP)

O Congresso do Centro dos Estudantes de Santos e Região (ConCES), realizado em 3 de junho último, elegeu o estudante Matheus Café, 19 anos, novo presidente da entidade quase centenária. Na plenária final, a chapa 1 (Movimento Bloco na Rua), venceu a chapa 2 (Movimento por uma Universidade Popular) por maioria significativa de delegados.

No discurso da vitória, Matheus reconheceu as diferenças programáticas dos movimentos em disputa e, com lucidez, conclamou o movimento estudantil à unidade frente aos desafios candentes de representar os estudantes de Santos e região metropolitana, e a construir as lutas em defesa da educação e da democracia.

“Nós precisamos, no próximo período, agir em unidade, que o movimento estudantil seja construído no dia-a-dia em sala de aula. Para isso, é muito importante a participação de cada um de vocês, convido todo mundo a construir a próxima gestão”, afirmou.

O novo presidente também enfatizou que a construção de “um novo espaço para os estudantes se organizarem” será uma pauta central.

PAPEL DO MOVIMENTO ESTUDANTIL

A mesa de abertura foi coordenada por Aline Cabral, presidenta da diretoria cessante.

Ao apresentar breve resumo sobre a história do CES e das lutas nos anos recentes sob os governos golpistas de Michel Temer e neofascista de Jair Bolsonaro, Aline salientou que o ConCES é “momento muito importante” para a continuidade das lutas e fez o convite a quem participava de um congresso do tipo pela primeira vez. “Façam parte do movimento estudantil”.

De acordo com a presidente da União Estadual dos Estudantes (UEE-SP), Tayná Wine, o movimento estudantil faz “coisas extraordinárias que ecoam para além das salas de aula” e impulsiona uma série de políticas. “É neste espaço que a gente debate nossas demandas e direitos. Vencemos esse período de Bolsonaro, mas a mobilização tem que ser permanente. Se não estivermos nas ruas e organizados, as demandas vão se acumular”.

Para a liderança secundarista Julia Monteiro, vice-presidenta regional da União Paulista dos Estudantes Secundaristas (Upes) e diretora da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de Santos (Umes Santos), os estudantes voltaram a ter esperança. “Umes, CES, UEE e UNE nos impulsionaram e fomos às ruas para sermos ouvidos. As entidades do movimento estudantil devolveram a nossa esperança”.

A conselheira tutelar e ex-presidenta da Umes Santos, Priscila Ribeiro, garantiu que “o movimento estudantil é uma escola”, abordou o racismo estrutural, genocídio da população negra e apontou a educação como saída. “As escolhas que minha mãe me fez chegar até aqui, mas não teve um dia fácil. Afinal, não podemos esperar que nossos direitos venham fácil. Já é uma vitória estarmos aqui vivos depois da terra arrasada deixada por Bolsonaro, mas a guerra só começou”, destacou.

“Sinto orgulho tremendo quando vejo o avanço do movimento estudantil, uma injeção de ânimo e esperança”, disse a educadora Sonia Maciel, diretora da Apeoesp – Sindicato dos Professores do Ensino Oficial no Estado de São Paulo.

O dirigente do SindServSV e ex-presidente do CES, Marcelo Arias, exaltou a unidade dos estudantes com os trabalhadores, parabenizou a gestão cessante e sintetizou o que considera o desafio da próxima direção do CES. “Unificar os divergentes, organizar centros e diretórios acadêmicos e ampliar representação política para que políticas públicas se efetivem”. SindServSV é o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Vicente.

SONHOS E LUTAS DOS ESTUDANTES

Representantes de entidades de base (CAs, DAs, Atléticas) e estudantes de instituições de ensino superior da Baixada Santista se reuniram neste Congresso do CES para dialogar, debater e apresentar ideias e propostas para a continuidade e ampliação da força do movimento estudantil, além de denunciar os problemas em suas universidades e reafirmar o desafio da gestão recém-eleita de buscar uma solução definitiva para a questão da sede da entidade.

SOBRE MATHEUS CAFÉ

Estudante de Letras no Instituto Federal de São Paulo (Campus Cubatão), morador e liderança do bairro Alemoa em Santos, Matheus é o primeiro integrante da família dele a ingressar em curso superior. ‘Vem transformar a Universidade’ foi o mote do encontro. “Carregarei comigo a responsabilidade dos sonhos e lutas dos estudantes universitários da Baixada Santista. Por uma universidade que tenha a cara do estudante brasileiro e esteja na linha de frente do desenvolvimento da Região”, afirmou.

SOBRE O CENTRO DE ESTUDANTES DE SANTOS

O Centro de Estudantes de Santos foi fundado em 1932. Tem sede na Avenida Ana Costa, 308, bairro Campo Grande.


*Carlos Norberto Souza (@carlosnorbertosouza) é jornalista, diretor sindical no Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo, e graduado em Serviço Social


Imagem em destaque: Matheus Café, 19 anos, após ser eleito presidente do Centro de Estudantes de Santos. Foto: Carlos Norberto Souza




GOSTOU DO MACUCO?
Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco). Ou pelo pix: redemacuco@protonmail.com
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 5 =