Votar em Lula/Alckmin é preciso

Posicionamento da Rede Macuco nas eleições presidenciais de 2022, e o reforço à importância de escolhermos nomes progressistas para o Legislativo


Por Rede Macuco | De Santos (SP) e Curitiba (PR)

Quatro anos atrás, entendíamos que o voto em qualquer uma das quatro candidaturas do campo progressista para as eleições presidenciais era possível.

Em nosso editorial às vésperas do pleito de 7 de outubro de 2018, recomendávamos e defendíamos qualquer uma dessas (estão em ordem alfabética) opções: Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Guilherme Boulos (Psol) e João Goulart Filho (PPL).

Em 2022, a situação é bem diferente.

Sim, temos um leque de candidaturas com pautas progressistas, merecedoras do voto do povo brasileiro.

A jornada de trabalho de 30 horas semanais para todo mundo, bandeira de Sofia Manzano (PCB, 21) e de Vera Lúcia (PSTU, 16); a suspensão do pagamento dos juros da dívida pública, um dos itens do programa de Leonardo Péricles (UP, 80); o Projeto Nacional de Desenvolvimento, de Ciro Gomes (PDT, 12); e o resgate das plataformas socioeconômicos de Lula (PT, 13) constituem-se em opões que coadunam com nossa visão de mundo.

Contudo, não estamos em tempos normais.

Antes de que consigamos pleitear, lutar e trilhar caminhos rumo a avanços como os citados, precisamos restabelecer o processo civilizatório no Brasil, destruído com a ascensão ao poder da combinação do neoliberalismo com elementos fascistas.

E, no momento, apenas a chapa Lula/Alckmin reúne condições para isso.

É a única capaz de, na transição até a posse, restabelecer um mínimo de diálogo e laços na sociedade.  Para que, a partir de 1º de janeiro do próximo ano, possa tomar medidas socioeconômicas emergenciais, revogar medidas destrutivas em vigência e iniciar a reconstrução do país.

Por isso, votar 13, Lula, não é uma recomendação apenas de um ‘voto útil’.

É um voto necessário.

Não há razão para segundo turno quando, do outro lado, está a barbárie. Segundo turno existe para aprofundar debates, discussões de ideias. Mas não há o que debater quando, do outro lado, está a defesa da destruição.

Eleger Lula/Alckmin já, em 2 de outubro, é preciso.

Para a Câmara dos Deputados, Senado e Assembleias Legislativas, indispensável votar em candidaturas do campo progressista, se não o reacionarismo continuará mandando.

Como identificar e encontrar candidaturas progressistas? Plataformas como estas que você pode conferir clicando aqui ajudam.

Boa eleição, Brasil! E tomemos cuidado com tentativas golpistas de desqualificar o resultado as urnas.


Imagem em destaque: bordado do movimento Linhas de Santos (www.instagram.com/linhasdesantos)




GOSTOU DO MACUCO?
Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco). Ou pelo pix: redemacuco@protonmail.com
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 4 =