Dica para quarentena: cultivar horta em casa

Baixe aqui cartilha da Emater-PA que dá as orientações de como produzir hortaliças em áreas de serviço, calçadas e quintais.


Por Rodrigo Reis, da Emater-PA | De Marituba (PA)

Nos últimos anos, o hábito de cultivar horta em casa cresceu e está se popularizando no Brasil. Para este período de isolamento social de combate ao novo coronavírus, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Pará (Emater) – estatal vinculada ao Governo do Estado – elaborou uma cartilha completa de como fazer uma horta em casa.

A horta em casa, além de se constituir como um item de segurança alimentar para as famílias, serve também como terapia.

As hortaliças podem ser cultivadas em varandas, áreas de serviço, calçadas e quintais. O importante é se organizar e seguir alguns critérios básicos como: espaço com boa luminosidade, arejado, de fácil acesso, próximo de alguma fonte de água e que não permita encharcamento do solo. Outra dica é evitar que muitas pessoas circulem pelo local para evitar acidentes domésticos.

Para o engenheiro agrônomo da Emater Valdeides Lima, a preferência é por culturas do grupo das folhosas, já que se adaptam melhor ao estilo de cultivo em vasos e jardineiras, além de serem utilizados como temperos regionais, sendo as mais comuns o coentro ou cheiro-verde, cebolinha, alface, couve e chicória.

“A cartilha é completa e aborda sobre espaço, adubo, culturas, preparo e colheita”, destaca Valdeides Lima, mestre em irrigação.

APROVEITAMENTO DE RECIPIENTES

O profissional acrescenta, ainda, uma prática que deve ser adotada, que é o reaproveitamento de recipientes que seriam descartados e que podem proporcionar um bom local de desenvolvimento às plantas: os baldes de tintas, vasilhas de manteiga, garrafas pets, caixotes, estruturas de tábuas, tubos PVC, entre outros.

“É importante também escolher um bom adubo para o plantio. Com isso, basta ter a iniciativa de começar, de aproveitar o tempo livre e se dedicar a construção da horta e seguir os passos corretamente”, afirma o engenheiro. “O cultivo de horta contribui efetivamente na qualidade de vida das pessoas que precisam de uma atividade de ocupação para o dia a dia, principalmente neste período de isolamento social em que a sociedade está vivendo”, acrescenta.

Acesse aqui a cartilha da Emater sobre horta em casa.


Imagem em destaque: mãos que cultivam horta em quintal. Foto de Daniel Castellano/Prefeitura de Curitiba


GOSTOU DO MACUCO?
Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco; CPF 257.618.408-12)
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + 3 =