O software livre ao alcance de todos

Fórum de Tecnologia em Software Livre de Curitiba chega à décima edição buscando se aproximar do público em geral. Palestras e cursos são voltados a expertos e a iniciantes ou leigos no assunto

Por Wagner de Alcântara Aragão (@waasantista) | De Curitiba (PR)

De 24 a 26 de outubro a capital paranaense se torna o centro mundial do trabalho pela democratização da informática e das tecnologias da comunicação.

É que ocorre nesse período o X Fórum de Tecnologia em Software Livre de Curitiba (FTSL), na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), com uma programação que envolve 52 palestras e 13 minicursos, além de encontro de comunidades; tudo gratuito, e voltado desde aos expertos até os menos entendidos no assunto.

Outro destaque do FTSL será a conferência com um dos maiores entendedores da evolução da computação nos últimos 50 anos, o conselheiro do Linux Professional Institute, Jon ‘Maddog’ Hall.

  • Como está dividida a programação:
  • Palestras: por acadêmicos, estudantes, profissionais do mercado, empresas, políticos e pensadores com o intuito de aprofundar os conhecimentos científicos, técnicos, mercadológicos, políticos e sociais do Software Livre e da Liberdade do Conhecimento;
  • Minicursos: ministrados por profissionais a fim de transmitir conhecimentos práticos de um determinado assunto por meio de treinamentos e capacitação;
  • Encontro de comunidades: comunidades em torno de ferramentas e tecnologias livre realizam encontros técnicos durante o evento.
  • Fonte: www.ftsl.org.br

Conforme destaca a equipe de organização do evento, o Fórum de Tecnologia em Software Livre é uma excelente oportunidade de capacitação e rede de contatos, “ao trazer o estado da arte do desenvolvimento de software e hardware livre e aberto”.

Os organizadores acrescentam:

“Em sua décima edição, com o compromisso de incluir digitalmente as pessoas como protagonistas do desenvolvimento tecnológico, o FTSL se mantém um evento de acesso gratuito.”

A Rede Macuco participa do X Fórum de Tecnologia em Software Livre, com a palestra “O software livre e a liberdade de expressão”, a ser ministrada pelo editor geral, Wagner de Alcântara Aragão, no dia 25, quinta-feira, às 11h.

POLÍTICA ANTIASSÉDIO E RESPEITO À DIVERSIDADE

Em um momento de intolerância e violência contra a diversidade, o Fórum de Tecnologia em Software Livre reafirma a sua política antiassédio, assumida por todos os participantes do evento.

A seguir, a íntegra do manifesto do FTSL

“O X Fórum de Tecnologia em Software Livre (FTSL) está comprometido com uma política antiassédio que visa proporcionar uma experiência livre de assédio para todos e todas as participantes, independentemente de gênero, necessidades especiais, orientação sexual, aparência física, raça, etnicidade, religião e condição sócio-econômica.

Nós – membros da organização do FTSL – não toleramos nenhuma forma de assédio ou desrespeito aos participantes do evento. Imagens e linguagem de caráter sexual discriminatório não são apropriadas para o FTSL. Participantes que violarem este código de conduta serão convidados/convidadas a se retirarem do evento.

A prática de assédio inclui comentários ofensivos – relacionados com gênero, orientação sexual, aparência física, necessidades especiais, etnicidade, religião e status sócio-econômico- imagens de cunho sexual mostradas em lugares públicos e/ou nas palestras do FTSL, intimidação, perseguição, assédio com câmeras fotográficas e com câmeras de vídeo, repetida interrupção de falas e/ou outros eventos, e contato físico sem consentimento. Participantes cujo comportamento infrinja as regras de conduta do FTSL serão advertidos e devem imediatamente cessar os comportamentos ofensivos, sob o risco de serem convidados a saírem do evento sem a possibilidade de retorno. Os/as organizadores(as) do FTSL tomarão as medidas necessárias para impedir que práticas de assédio aconteçam e/ou sejam repetidas nas palestras do FTSL.

Se você se sentiu ameaçado/ameaçada ou desrespeitado/desrespeitada, entre em contato com a organização e exponha as suas preocupações e o ocorrido. Membros da organização do FTSL podem ser identificados através de seus crachás.

A organização tomará as medidas necessárias para impedir que as práticas de assédio se repitam. Nós integramos e valorizamos muito a comunidade Software Livre e desejamos a todos um excelente evento, independentemente das diferenças que todos possuímos, que não devem, de forma alguma, nos dividir.

Contato: antiassedio@ftsl.org.br

Nós esperamos que todos/as participantes sigam as orientações gerais deste documento e não permitam que práticas sexistas e discriminatórias venham a acontecer no FTSL.”

Imagem em destaque: Jon Maddog Hall, do Linux | Foto de divulgação do FTSL


GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:

  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco; CPF 257.618.408-12)
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp ou telegram: 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 9 =