“Ainda temos o amanhã”, uma das preciosidades do 8 ½ Festa do Cinema Italiano

Filme, de roteiro surpreendente, aborda violência contra a mulher e uma Itália, no pós Segunda Guerra, marcada pelas desigualdades sociais


Por Wagner de Alcântara Aragão (@waasantista), para a Revista Intertelas | Do Rio de Janeiro (RJ)

Entre junho e agosto, algumas cidades do Brasil recebem o 8 ½ Festa do Cinema Italiano. É a 11ª edição do evento, que reserva ao público um filme surpreendente: “Ainda temos o amanhã” (“C’è ancora domani”).

O material de divulgação informa que a obra marca a estreia de Paola Cortellesi, obra essa que “entra com o pé direito no Olimpo do cinema italiano”. Não é exagero não.

Assistimos à exibição ocorrida em Curitiba, no Cine Passeio. A sala de mais ou menos 100 lugares estava com pelo menos 80% da capacidade preenchida, e a reação desse público em alguns pontos de virada da narrativa era o termômetro para medir o quão impactante a trama se apresentava.

E, melhor, de forma natural. Sem forçação, sem apelação.

A história pela história, bem tratada pela opção preto e branco, pela cenografia, fotografia e, principalmente, desempenho espetacular do elenco – tudo isso por si só fazia a gente se remexer na poltrona.

Ora de aflição, ora de raiva, por vezes até com certa descontração, mas sempre por muita empatia pelo drama vivido pela personagem protagonista, Delia, interpretada pela própria Paola Cortellesi, impossível era se manter inerte no assento.

Uma Itália no pós-guerra, enfrentando, em 1946, desigualdades sociais, e caracterizada por sociedade fortemente machista compõe o enredo. A trama central, a violência física, moral e psicológica sofrida por Delia, praticada pelo marido; a entrega da mulher aos filhos, uma adolescente e dois meninos crianças. Dizer mais não convém, é entregar preciosidades do enredo.

“Ainda temos o amanhã” terá exibições, dentro do  8 ½ Festa do Cinema Italiano, ainda nas seguintes cidades:

– Niterói (RJ), no Cine Arte UFF, em 9 de julho
– Aracaju (SE), no Cine Vitória, em 9 de julho
– Camaquã (RS), no Cine Teatro Coliseu, em 9 de julho
– Palmas (TO), em agosto

Mais sobre o  8 ½ Festa do Cinema Italiano e “Ainda temos o amanhã” em https://br.festadocinemaitaliano.com/filmes/ainda-temos-o-amanha-2023.


Imagem em destaque: cena de “Ainda temos o amanhã”. Foto de divulgação




CONTAMOS COM VOCÊ!
Para nos mantermos e continuarmos a produzir conteúdo útil.
Você pode nos ajudar. Você pode:
> Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco). Ou pelo pix: redemacuco@protonmail.com
> Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
> Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 6 =