‘Ángel de la Selva’, a primeira médica da Tríplice Fronteira

Pesquisa desenvolvida na Unila resgata a trajetória de Marta Teodora Schwarz, que chegou a Puerto Iguazú em 1949 e foi premiada pela ONU em 1999


Da Unila | De Foz do Iguaçu (PR)

Ela nasceu em um 8 de março e foi protagonista de uma história de força e coragem na Tríplice Fronteira Brasil-Paraguai-Argentina.

Marta Teodora Schwarz chegou a Puerto Iguazú (Argentina) em 1949 para se tornar a primeira médica da região e, mais que isso, para ser o “Ángel de la Selva”

Hoje, o hospital de Puerto Iguazú leva seu nome e a casa onde morou se transformou em um museu.

Mas, para a grande maioria da população da fronteira, Marta Schwarz segue desconhecida.

Justamente para dar visibilidade a esta importante personagem, pesquisadoras da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila) estão iniciando um projeto que pretende recuperar sua trajetória histórica e protagonismo.

“Ela tem uma biografia fantástica. Fiquei envolvida desde que conheci a trajetória dela, fiquei muito impactada. Marta tem um pioneirismo muito grande na região num momento em que era muito difícil para as mulheres exercerem a medicina”, comenta a historiadora e coordenadora do Observatório de Gênero e Diversidade na América Latina e Caribe, Cleusa Gomes. Ela divide a coordenação da pesquisa com Jorgelina Tallei, que tem formação em Letras e é docente de espanhol.

A pesquisa faz parte do projeto “Biografías interculturales de frontera”, que pretende reunir perfis de mulheres pioneiras na Tríplice Fronteira.

Marta Schwarz será a primeira dessa série.

As pesquisadoras lembram que, apesar do legado deixado pela médica, não existem trabalhos acadêmicos que contem sua história e trajetória. “Nós trabalhamos com a questão de como as mulheres são invisibilizadas e a necessidade de trazê-las para a história”, observa Cleusa Gomes.

TRAJETÓRIA

Além de médica dedicada a seus pacientes nos três países, Marta também foi diretora do Hospital de Puerto Iguazú por 40 anos e chegou a assumir o cargo de ministra da Saúde, Cultura, Educação e Ação Social de Misiones (1963).

O reconhecimento por sua dedicação teve início em meados da década de 1980, quando Marta recebe o prêmio Alicia Moreau de Justo por ser uma das cem mulheres com trabalhos dedicados à Argentina (1968); o prêmio da Organização das Nações Unidas (ONU) por sua trajetória (1999); e o Prêmio Hipócrates, da Universidade de Buenos Aires, como médica destacada na assistência rural (2001).

Em 1986, ela recebeu o título de cidadã honorária da cidade de Foz do Iguaçu, já no lado brasileiro da Tríplice Fronteira.

MULHER DE AÇÃO

Numa percepção inicial, Marta Schwarz pode ser considerada uma “mulher de ação”, comenta Cleusa, ressalvando que ainda não foram realizadas análises aprofundadas dos documentos, devido ao fechamento das fronteiras e a dificuldade de acesso a Puerto Iguazu durante a pandemia.

“Ela era uma mulher que trabalhava muito, que era de muita ação”, diz

A médica fez mais de 2,5 mil partos, deslocava-se ao Brasil e Paraguai para atender seus pacientes e criou uma escola de enfermagem para suprir a falta destes profissionais na região. “Ela praticamente implantou a saúde na Tríplice Fronteira”, enfatiza Jorgelina Tallei.

Para ela, Marta “era, de fato, uma mulher que queria transformar o seu tempo”. “Ela não era uma mulher que só transitava no mundo dos homens. Ela queria transformar o seu tempo, o território onde estava. Nesse mundo todo transitado por homens, ela transformou”, analisa.


Imagem em destaque: a médica Marta Schwarz em frente ao Hospital de Puerto Iguazú. Divulgação Unila




GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco). Ou pelo Pix: redemacuco@protonmail.com
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 6 =