Mostra gratuita apresenta filmes com temas socioambientais da atualidade

‘Ecofalante’ vai de 11 de agosto a 14 de setembro. Exibições são online. Confira como acompanhar, e também alguns dos destaques


Do Jornal da USP | De São Paulo (SP)

Uma programação que reúne 101 títulos de filmes de 40 países, sendo 30 inéditos no Brasil.

Vai começar a 10ª edição da Mostra Ecofalante de Cinema, o mais importante evento audiovisual sul-americano dedicado às temáticas socioambientais.

E o melhor disso tudo é que você pode acompanhar a programação da sua casa e sem pagar nada.

Anote na agenda: a programação vai de 11 de agosto a 14 de setembro.

Os filmes ficarão disponíveis  no site da mostra www.ecofalante.org.br e também nas plataformas parceiras Belas Artes à La Carte e Spcine Play.

A Ecofalante é uma organização da sociedade civil que atua nas áreas de cultura, educação e sustentabilidade e que desenvolve atividades em conjunto com várias instituições, inclusive a Universidade de São Paulo (USP), por meio do Superintendência de Gestão Ambiental (SGA).

A cerimônia de abertura será no dia 11 de agosto, a partir das 19 horas, com a presença do diretor da Mostra Ecofalante de Cinema, Chico Guariba, e convidados.

Em seguida, às 20 horas, será exibido o premiado filme O Novo Evangelho, de Milo Rau, eleito o melhor documentário no Swiss Film Awards 2021 e coproduzido entre Alemanha, Suíça e Itália.

ATRAÇÕES

Atrações internacionais e nacionais inéditas no Brasil compõem a programação da mostra.

Entre os estrangeiros, destaque para os longas Jogo do Poder, de Costa-Gavras, cineasta vencedor do Oscar e do prêmio de melhor direção no Festival de Cannes – em seu novo trabalho, o diretor revela os bastidores do jogo de poder da Europa, focalizando as razões para a crise na Grécia; e a pré-estreia especial de A História do Plástico, uma coprodução EUA/Índia/Bélgica/China/Indonésia/Filipinas e dirigido por Deia Schlosberg, documentário que expõe a “verdade inconveniente” por trás da poluição do plástico, material onipresente em nossas vidas.

SÍLVIO TENDLER: A BOLSA OU A VIDA?

Já entre os filmes nacionais, um dos destaques é a pré-estreia mundial de A Bolsa ou a Vida, mais recente trabalho do diretor Sílvio Tendler. O longa propõe refletir sobre o tema “o que virá depois da pandemia?”. “É uma discussão sobre se no pós-pandemia a centralidade será no ser humano e na natureza ou no cassino financeiro”, afirma o diretor.

A obra traz entrevistas com personalidades conhecidas, como o escritor Ailton Krenak, o padre Júlio Lancelotti, o cineasta Ken Loach, a drag queen e professora Rita von Hunty, entre outros, e com cidadãos comuns, que sentem na pele as dificuldades impostas pelo caos social.


Imagem em destaque: energia nuclear, um dos temas abordados em filmes na mostra. Divulgação Ecofalante.




GOSTOU DO MACUCO?
Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco). Ou pelo Pix: redemacuco@protonmail.com
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + 8 =