O 20º domingo com Simone

As lives semanais da Cigarra se tornaram ponto de encontro de sublimação: música, causos, agradecimentos e um brinde à saúde e à vida


Por Wagner de Alcântara Aragão (@waasantista) | De Curitiba (PR)

A pandemia do novo coronavírus pôs o mundo diante do espelho.

Assim, enxergamos principalmente nossas mazelas, porque elas é que se mostram mais latentes.

Por outro lado, e atenuando as dores, também nos deparamos com (re)encontros alentadores.

Dentre tantos, um tem acontecido aos domingos.

Mais precisamente, há 20 domingos.

Nesse dia da semana, sempre às seis da tarde, e por 60 minutos, a cantora e intérprete musical Simone, 70 anos de idade, 50 de carreira, dedica seu tempo a acalantar.

É uma entre as incontáveis “lives” – que até eram mais frequentes no começo da quarentena, todavia seguem servindo de programa aos que respeitam às recomendações dos especialistas em saúde para que fiquemos em casa.

Não é, contudo, mais uma “live”.

É “a” live.

Será a 20ª neste domingo, 23 de agosto.

Já são mais de 200 canções entoadas por Simone, nestas duas dezenas de domingos consecutivos.

Clássicos de seu repertório e versões que ela deu a músicas outras.

Além da apresentação artística, caseira, feita num cantinho de seu apartamento, ela se virando nos trinta para dar conta da parafernália, Simone dedica vários momentos a uma boa prosa.

Relembra fatos do passado e da semana; agradece à equipe – cada um de sua casa cuida para que tudo dê certo no ar.

Agradece colegas de profissão, amigos da vida.

Lola, a cachorrinha, xodó da plateia virtual, também é pauta da conversa.

Bonito, sobretudo, é o gesto de agradecimento de Simone aos trabalhadores que garantem o funcionamento das atividades que não podem parar.

Simone, por várias vezes na transmissão, dedica um “muito obrigado” aos profissionais de saúde, aos funcionários dos condomínios, supermercado, enfim, dos serviços essenciais em geral.

Além de agradecer, Simone orienta: se não der para ficar em casa, ao sair, use máscara. “Ela protege a todos”.

Tamanha competência artística e generosidade humana e social só podiam render a Simone uma audiência cativa, fiel.

Só pelo instagram, são em torno de 4 mil espectadores por domingo.

Turmas da arte, do basquete (as irmãs Paula e Branca estão entre as assíduas participantes); fãs clubes, admiradores anônimos, enfim, uma porção de gente que se eleva aos domingos ao som da Cigarra.

E que certamente estará a conferir neste 23 de agosto, às 18h, pelo instagram a 20ª live domingueira de Simone, para, ao final, brindar em retribuição à vida.

É do que mais precisamos.


Imagem em destaque: bastidores da live da Simone. Foto: divulgação/ assessoria Simone


GOSTOU DO MACUCO?
Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:
  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco)
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 1 =