Atos em todo o país pelo Dia Internacional da Mulher

Confira agenda de atividades em 23 estados; produtora da Rede Macuco participa de mesa-redonda em Santos, na Associação Cultural José Martí

Por Bruna Caetano, do Brasil de Fato | De São Paulo (SP)

O 8 de março, Dia Internacional de Luta das Mulheres, é marcado neste ano por atos unificados em todo o país. As manifestações devem ser guiadas pela defesa de direitos em relação aos recentes ataques promovidos pelo governo de Jair Bolsonaro, como a Reforma da Previdência — que afeta, sobretudo, as mulheres camponesas.

Além disso, devem pautar o aumento dos casos de feminicídio, o decreto n° 9.685, que altera as regras de posse de armas, a soberania nacional, defender a Reforma Agrária e relembrar e exigir resposta sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, que completará um ano no dia 14 do mesmo mês.

[A Rede Macuco destaca a participação de sua produtora-geral, Lindrielli Rocha Lemos, em uma dessas atividades – uma mesa redonda neste sábado, dia 9, em Santos, na Associação Cultura José Martí, promovida pela Ong Hella. Saiba mais aqui]


Confira abaixo a lista de atos do Dia Internacional de Luta das Mulheres, em 23 estados:

Acre
15 de março – Auditório da Adufac, campus universitário do UFAC, Rio Branco

Alagoas
8 de março, na Orla Lagunar

Amapá
15 de março – Raimundo Álvares da Costa, 936, Centro, 18h, Macapá

Amazonas
8 de março – Praça da Saudade, 14h

Bahia
Salvador – 13h, na Praça da Sé

Ceará
8 de março, a partir das 16h – Concentração na Praça da Justiça

Distrito Federal
8 de março, a partir das 16hrs – Rodoviária do Plano Piloto

Espírito Santo
8 de março, 15h – Defensoria Pública do estado do Espírito Santo, Vitória

Goiás
8 de março, 16h – Marcha da praça do bandeirante até a Praça universitária, Goiânia

Mato Grosso do Sul
8 de março, 15h30 – Praça Ary Coelho, Campo Grande

Maranhão
8 de março – Praça da Matriz, 8h, Santa Inês
8 de março – São Luís, concentração na Praça Joãozinho Trinta, 15h, percurso beira-mar até a praça dos catraieiros

Minas Gerais
8 de março, às 17h – Praça Raul Soares, Belo Horizonte

Pará
8 de março, às 9h – Mercado São Brás, Belém

Paraná
8 de março – Praça Santos Andrade, Curitiba – Ato às 12h com banquinhas e barracas, 16h ação da Rede Feminista de Saúde, 17h concentração, 18h Ato inicial, 18h30 saída em marcha
8 de março – Cascavel, Igreja da Matriz, 11h
8 de março – Castro, 17h
8 de março – Cornélio Procópio, Coreto, 18h
8 de março – Francisco Beltrão, Praça Central, 9h
8 de março – Guarapuava, Praça 9 de dezembro, 9h
8 de março – Guaratuba, Câmara Municipal, 11h
8 de março – Londrina, 17h
8 de março – Maringá, 17h
8 de março – Ponta Grossa, Parque Ambiental, 17h

Paraíba
8 de março – Praça Pedro Américo, em frente ao teatro Santa Rosa, 14h, João Pessoa

Pernambuco
8 de março – Recife, 14h – Praça do Derby

Piauí
8 de março – Praça da Liberdade, Teresina – 16h Marcha até o espaço Salve Rainha

Rio de Janeiro
8 de março – Candelária, 18h

Rio Grande do Norte
8 de março, 15 horas – Caminhada pela Rio Branco – Praça dos 3 poderes em frente ao INSS, Natal

Rio Grande do Sul
8 de março, 18h – Largo Glênio Peres, Porto Alegre

Roraima
8 de março – Boa Vista, 9h – Praça dos Garimpeiros
Santa Catarina
8 de março, de 8h às 18h – Em frente ao Ticen, Florianópolis, 18h30 – Concentração e início da marcha

São Paulo
8 de março, 16h – Masp, na capital
8 de março, 17h30, Largo do Rosário, Campinas
8 de março, 16h, Estação da Cidadania, Avenida Ana Costa, 340, Santos
8 de março, 17h, Praça Treze de Maio, Ubatuba.
9 de março, 16h, Associação Cultural José Martí, Santos

Sergipe
8 de março, 9h – Em frente a empresa Alma Viva, Aracaju

[Para saber de atividades em sua cidade, sugerimos procurar movimentos sociais locais]

Imagem em destaque: arte de divulgação, por Bruna Caetano


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + 8 =