Começando o esquenta para o Carnaval 2019

As principais informações sobre os desfiles das escolas de samba do Rio, São Paulo, Santos, Macapá, Vitória, Porto Alegre, Uruguaiana, Florianópolis…

Por Wagner de Alcântara Aragão (@waasantista) | De Curitiba (PR)

2019 é daqueles anos em que o Carnaval demora para chegar.

Será, desta vez, apenas no dia 5 de março.

Ruim?

Nem tanto.

Porque, por outro lado, o clima de pré-Carnaval é mais extenso.

E antes da virada de 2018 para 2019, apresentamos as principais informações sobre os desfiles das escolas de samba Brasil adentro.

Vamos lá:

——–

RIO DE JANEIRO
Liga das Escolas de Samba e Prefeitura Municipal estão em tratativas para: i) rever o valor da subvenção às agremiações; ii) garantir os ensaios técnicos, que além de fundamentais para as escolas, se tornaram tradição no calendário de eventos da cidade. Enquanto isso, ingressos já estão sendo vendidos. O cd com os sambas de enredo do grupo especial já foi lançado e está à venda.

E, nas quadras das escolas, os preparativos seguem a todo vapor. Tem muito ensaio de rua também.

SÃO PAULO
Ensaios de rua, shows nas quadras e outros eventos movimentam as escolas e suas comunidades nestas duas últimas semanas de 2018. O cd com os sambas de enredo também já pode ser encontrado nas lojas do ramo.

O intercâmbio com profissionais do Rio de Janeiro se intensificou neste ano. O desembarque do carnavalesco Laíla, ex-Beija-Flor (e agora Unidos da Tijuca), na Águia de Ouro é hoje o maior símbolo dessa aproximação.

O regulamento para 2019 estabelece critérios mais rígidos de apuração, para evitar empates e tornar a disputa mais acirrada.

SANTOS
Lançado em setembro em festa com Neguinho da Beija-Flor e Dudu Nobre, o Carnaval 2019 em Santos vai manter experiência iniciada em 2016 de antecipar os desfiles das escolas de samba em uma semana, para não competir com as apresentações de São Paulo e Rio de Janeiro (o intercâmbio entre o carnaval santista, o paulistano e o carioca é favorecido com o calendário não coincidente). Os desfiles serão em 22 e 23 de fevereiro.

Os ensaios de rua e as festas nas quadras também estão a todo o vapor, principalmente entre as mais tradicionais e com raízes em comunidades, como a X-9, União Imperial, Unidos dos Morros, Brasil e Padre Paulo.

MACAPÁ
Depois de três anos sem desfiles de escolas de samba, em 2019 as agremiações deverão voltar a se apresentar no sambódromo da capital do Amapá, que fica no Marco Zero (Linha do Equador), e resgatar uma tradição da folia amapaense. Em novembro, representantes de escolas de samba apresentaram o projeto “Carnaval no Meio do Mundo”. O governador reeleito, Waldez Goés, em julho assegurou que os desfiles seriam retomados, pelo Governo do Estado.

VITÓRIA
Na capital capixaba, assim como em Santos, os desfiles são antecipados – vão ocorrer em 21, 22 e 23 de fevereiro -, para não coincidir com os do Rio de Janeiro. E os preparativos estão bem adiantados.

Os ingressos para assistir às apresentações, inclusive, estão à venda. O cronograma de ensaios técnicos no Sambão do Povo, o sambódromo de Vitória, já estão definido. E nas quadras e ruas nos arredores das escolas, seguem ensaios e atividades afins.

PORTO ALEGRE
Não houve desfiles em 2018 e, infelizmente, ainda não há confirmação de que a festa volte a ser realizada em 2019. Os desfiles de Porto Alegre movimento comunidades e estão entre os mais tradicionais do Brasil. Ignorando esse componente da cultura gaúcha, em especial de raízes africanas, a Prefeitura e o Governo do Estado declararam que não vão apoiar em nada a realização da festa.

URUGUAIANA
O Carnaval da fronteira entre Brasil e Argentina atrai artistas e profissionais dos carnavais paulistano e carioca, e os desfiles das oito escolas de Uruguaiana estão confirmados: serão nos dias 21, 22 e 23 de março, fechando, assim, o Carnaval 2019 no Brasil. Há meses os preparativos – eleição de corte carnavalesca, festas e shows nas escolas – estão em andamento.

FLORIANÓPOLIS
Desde setembro, mesmo sem a garantia do poder público de que os desfiles seriam realizados, as escolas de samba de Florianópolis iniciaram os trabalhos para 2019. Atualmente, com enredos e sambas definidos, estão em fase de captação de recursos para garantir as apresentações, na icônica Passarela do Samba Nego Quirido.

CURITIBA
A capital do Paraná tem uma comunidade de escolas de samba bastante aguerrida. E, para 2019, garantiu apoio do poder público municipal para a promoção da festa. A pedido da comunidade, os desfiles serão realizados em dois dias: sábado, 2 de março, e domingo, dia 3. Antes, os desfiles ocorriam só no sábado que antecedia o Carnaval.

——–

Vale ressaltar que, como se viu em alguns casos, a onda de ignorância, retrocesso e conservadorismo que assola o Brasil – o Febeapá de Stanislaw Ponte Preto – tem atingido em cheio o Carnaval, em especial os desfiles das escolas de samba.

Governantes descompromissados com a cultura popular se utilizam do argumento das dificuldades financeiras para deixar comunidades ao léu. Segmentos reacionários e elitistas da sociedade têm dado respaldo a esse descaso do poder público para com a festa do povo.

Imagem em destaque: foliã da Portela, em concentração do desfiles de 2018. Foto de @lindrielli


GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:

  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco; CPF 257.618.408-12)
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp ou telegram: 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: redemacuco@protonmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 7 =