1º de Maio de luta por direitos básicos

Grande ato nacional será em Curitiba, mas em outras cidades por todo o país mobilizações estão marcadas. Confira agenda de manifestações

Do Brasil de Fato e da Rede Brasil Atual | De São Paulo

Pela primeira vez desde a redemocratização do país, as sete maiores centrais sindicais brasileiras farão, neste ano, um 1º de Maio unificado, em Curitiba. O ato na capital paranaense terá como mote “Em Defesa dos Direitos e por Lula Livre” e será realizado na Praça Santos Andrade (Centro), a partir das 14h.

O que unificou CUT, Força Sindical, CTB, NCST, UGT, CSB e Intersindical foi a defesa da liberdade do ex-presidente Lula, mantido como preso político na sede da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba há 20 dias.

Os sindicalistas estão também unificados em torno de uma pauta comum de interesse da classe trabalhadora, como uma política econômica de geração de empregos e renda, defesa da seguridade e da Previdência Social pública, o fim da lei do congelamento de gastos e a revogação da reforma trabalhista.

Os presidentes das sete centrais participam do ato, além de representantes de movimentos sociais como MST, MTST, UNE e Central de Movimentos Populares, entre outros integrados pelas frentes Brasil Popular e Povo sem Medo.

Como tem ocorrido desde a instalação do acampamento Lula Livre na capital paraense, a manifestação desta terça-feira terá um forte ingrediente cultural, com apresentação de artistas conhecidos por ser posicionamento em defesa da democracia, como Beth Carvalho, Ana Cañas, Maria Gadu, o rapper Renegado e muitos artistas locais.

CONFIRA OUTROS ATOS DE 1º DE MAIO, PELO PAÍS

Em São Paulo, na capital a manifestação será na Praça da República, a partir do meio dia. No litoral, em Santos, a partir das 10h, na Praça das Bandeiras, Praia do Gonzaga.

Em Macapá, Amapá, será realizada uma vigília com ato público às 9h, na sede da CUT, na Avenida Manoel da Nóbrega, 537, no bairro Laguinho.

No Distrito Federal, os trabalhadores e trabalhadoras se reunirão às 9h no estacionamento entre a Funarte e a Torre de TV. Haverá um debate político, além de apresentações culturais e atividades para as crianças, com o samba da Tapera.

No Pará, haverá atos no 1º de Maio na capital, Belém, às 9h, na Praça da República e nas cidades de Abaeté, Altamira, Barcarena, Cametá e Igarapé Miri.

No Rio de Janeiro, a concentração está marcada na Praça XV (próximo à Rua do Mercado) às 14h. Haverá um esquete com o grupo Emergência Teatral. Na sequência, batucada com o Bloco da Democracia e caminhada pelo Boulevard Olímpico até a Praça Mauá.

Em Porto Alegre (RS), a manifestação será no Parque da Redenção às 10h. Contará com apresentação de Nei Lisboa, Raul Ellwanger, Grupo Unamérica, entre outros artistas.

Imagem em destaque: arte da Rede Brasil Atual


GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:

  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você. Nossa conta: Caixa – Agência 1525 Op. 001 Conta Corrente 000022107 (Wagner de Alcântara Aragão, mantenedor da Rede Macuco; CPF 257.618.408-12)
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Entre em contato pelo whatsapp ou telegram: 13-92000-2399
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: waajornalista@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 2 =