Não deu pra aderir à greve geral? O “Na pressão” ajuda a gente a se mobilizar

Site possibilita entrar em contato, em poucos cliques, com parlamentares, juízes, ministros e autoridades públicas em geral, para cobrar deles a defesa dos direitos do povo

Por Wagner de Alcântara Aragão, com informações da Rede TVT e da CUT

Boa parte do Brasil parou nesta sexta-feira, dia 30, em greve geral de diversas categorias de trabalhadores contra a retirada de direitos básicos que vem promovida pelo governo golpista de Michel Temer, PSDB e aliados.

Muita gente, porém, não conseguiu aderir ao movimento, por sofrer represália do patrão, pelo risco de ficar mal visto no trabalho e perder o emprego.

Quem está nessa situação, mas sabe que neste momento é fundamental que o povo lute, tem a internet como aliada.

Uma ferramenta colocada no ar recentemente é o site NA PRESSÃO (www.napressao.org.br)

O NA PRESSÃO permite enviar e-mails ou contatar pelas redes sociais ou por telefone parlamentares, juízes, ministros ou qualquer outra autoridade ou representante do povo.

O NA PRESSÃO está organizado em campanhas, que podem ser dirigidas aos membros de quaisquer instâncias do Legislativo (Câmara dos Deputados, Senado Federal, Assembleias Legislativas, Câmaras de Vereadores), membros de tribunais do Judiciário, ou ocupantes de posições no Executivo, sejam representantes eleitos (presidente, governadores ou prefeitos) ou seus representantes (ministros e secretários).

As campanhas do NA PRESSÃO têm sempre um tema determinado e organizam um conjunto de representantes a serem pressionados para que decidam a favor de trabalhadores e trabalhadoras e da maioria da sociedade.

COMO FUNCIONA

Para cada campanha, o NA PRESSÃO reúne as informações de cadastro das autoridades a serem pressionadas e organiza a página própria de cada tema. Ao entrar numa campanha, a pessoa interessada pode enviar de uma só vez e-mails para todos os representantes (ULTRA PRESSÃO) ou pode entrar no cadastro dos representantes ou separar um conjunto deles por meio dos filtros.

No cadastro de cada autoridade vai ser publicado, além do email, o telefone oficial, o canal de Facebook e, quando possível, o número celular para acesso pro redes do tipo Whatsapp ou Telegram.

O projeto NA PRESSÃO foi desenvolvido pela Secretaria de Comunicação da CUT (Central Única dos Trabalhadores).

Para propor ou solicitar a criação de uma campanha, entre em contato com napressao@cut.org.br.


GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:

  • Ser um assinante colaborador, depositando qualquer quantia, com a frequência que for melhor pra você.
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho.
  • Para mais informações sobre qualquer uma das opções, ou se quiser colaborar de outra forma, escreva pra gente: waajornalista@gmail.com

Livro coletânea de post dos dez primeiros anos (2005-2015) do Macuco Blog. São textos rápidos, leves, que retratam momentos históricos nas áreas de cultura, esportes, política, economia, curiosidades. Clique aqui para obter um exemplar

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 1 =