Semana de largada na Copa Libertadores

Times brasileiros estreiam, em sua maioria, sob pressão da torcida e crônica esportiva. Confira perspectivas

Por Wagner de Alcântara Aragão, postado de Curitiba

Começa nesta semana a fase de grupos da Copa Libertadores da América, um dos torneios de futebol mais cobiçados do planeta e, certamente, o mais almejado pelos clubes do continente. São 32 participantes, divididos em oito grupos. Classificam-se dois times de cada grupo.

O Brasil será representado por oito equipes, que são, em ordem alfabética: Atlético/MG, Atlético/PR, Botafogo, Chapecoense, Flamengo, Grêmio, Palmeiras e Santos. Preparamos uma breve projeção sobre a participação de cada um desses times:

ATLÉTICO/MG – A equipe estreia na quarta-feira, 8 de março, contra o Godoy Cruz, da Argentina, na casa do adversário. Está no grupo 6, que tem justamente os argentinos e o Libertad (Paraguai) como principais adversários. O grupo tem ainda Sports-Boy, da Bolívia. A não classificação do Atlético/MG seria uma zebra. Apesar de ter perdido algumas peças – Leandro Donizetti, que foi para o Santos, e Lucas Pratto, para o São Paulo – o clube mineiro entra forte na competição americana.

ATLÉTICO/PR – O time paranaense está no grupo 4, provavelmente o mais equilibrado, e estreia nesta terça, 7 de março, contra o Universidad Católica (Chile), na Arena da Baixada. O clube manteve o experiente técnico Paulo Autuori e se reforçou com jogadores experimentados também – Grafite e Carlos Alberto, por exemplo. Não terá vida fácil para se classificar, porém. Além da forte equipe chilena, tem Flamengo e San Lorenzo no caminho.

BOTAFOGO – Depois de passar com relativa tranquilidade pela classificatória para a fase de grupos, o Botafogo – que não foi bem no primeiro turno do Campeonato Carioca – entra como incógnita na Libertadores. Estreia na próxima terça, dia 14, contra o competitivo Estudiantes. O grupo (1) é forte: além dos argentinos, tem o atual campeão da Copa (Atlético Nacional/Colômbia) e o perigoso Barcelona de Guayaquil (Equador). Parada difícil pro time da estrela solitária.

CHAPECOENSE – O grupo da equipe de Santa Catarina (7) talvez seja o menos difícil. O time estreia nesta terça, dia 7, na Venezuela, contra o Zulia. Terá ainda Lanús (Argentina) e Nacional (Uruguai) pelo caminho. Embora esteja em processo de renascimento, depois da tragédia do ano passado, a Chapecoense tem chances de passar para a fase seguinte.

FLAMENGO – O rubro negro se reforçou bem para a competição. Estreia, no entanto, dias depois de ter sido derrotado pelo arquirrival Fluminense na disputa pela Taça Guanabara, isto é, entra na Libertadores com a obrigação de passar pra etapa seguinte, e disputar o título. Está no grupo 4, disputadíssimo. Se superar essa fase inicial, credencia-se a brigar pelo título. Estreia quarta, dia 8, no Maracanã, contra o San Lorenzo.

GRÊMIO – A campanha irregular no estadual e a perda de algumas peças deixam o torcedor gremista em ressabiado. A favor, pesa o fato de participar de um grupo (8) teoricamente bem tranquilo, com Deportes Iquique (Chile), Guaraní (Paraguai) e Zamora (Venezuela). A estreia do Grêmio é, por sinal, contra os venezuelanos, na quinta, dia 9, lá no país vizinho.

PALMEIRAS – O atual campeão brasileiro anda pressionado pela torcida, desconfiada do novo técnico (Eduardo Batista), em razão da campanha pouco convincente, até agora, no Campeonato Paulista. A equipe, todavia, segue reforçada em relação à temporada 2016, e não deixa de ser incluída entre as favoritas ao título. Está no grupo 5, com Tucuman (Argentina), Jorge Wilstermann (Bolívia) e Peñarol (Uruguai). Deve passar dessa fase inicial e, achando o melhor futebol, segue favorita ao título. Estreia quinta, dia 9, na Argentina, contra o time local.

SANTOS – Também pressionado pela torcida, pela irregular campanha no Campeonato Paulista, o atual vice-campeão brasileiro manteve a base do ano passado e investiu em reforços para chegar ao quarto título da Libertadores. Se conseguir superar a turbulência e reencontrar o futebol ofensivo e leve das duas últimas temporadas, passa para a fase seguinte e vai forte para brigar pelo título. Está no grupo 2, ao lado de Sporting Cristal (Peru), Santa Fé (Colômbia) e The Strongest (Bolívia). Estreia nesta quinta, 9, contra o Sporting, fora.

——–

GOSTOU DO MACUCO?

Ajude a gente a se manter e a continuar produzindo conteúdo útil. Você pode:

  • Contribuir com a nossa vaquinha virtual, pro custeio de despesas e investimentos em material, clicando aqui.
  • Ser um anunciante, para expor seu produto, ou serviço que você oferece. A gente faz plano adequado à sua condição financeira, baratinho. Escreva pra gente: waajornalista@gmail.com

——–

 

O resgate do Carnaval de Santos contado em um livro reportagem. Clique aqui para obter um exemplar

O resgate do Carnaval de Santos contado em um livro reportagem. Clique aqui para obter um exemplar

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 6 =